Jornada 24 – De Bino a Pogba

Depois da vitória fresquinha contra o…olha, contra o Vitória, botamos a nu a evolução da equipa durante o jogo, juntamente com algumas considerações sobre cansaços, inteligência organizacional, alguma arbitragem e um elogio (oh!) ao adversário. Olhamos também para a B, com a escala que o título caracteriza para avaliarmos a valia de Luizão e as potenciais alternativas que podemos ter ali ao nosso alcance. Com o próximo jogo já no horizonte, um olhar atento sobre a equipa a apresentar para tentarmos chegar às meias na Taça, já agora na quinta-feira em Moreira de Cónegos.

Mantemos a pergunta até ao próximo episódio: qual é o pior extremo-esquerdo que já passou pelo nosso clube? Respostas, fazem favor, por comentário, tweet ou pombo correio!!!


Quem quiser continuar a ouvir pelo site, tranquilo, é só usar o leitor que está embutido no post de cada episódio. Quem ouvir usando uma app, seja iTunes, Podcast Addict, Pocket Casts, Podcast Republic ou tantas outras que por aí andam, pode encontrar o Cavani aqui:

Feed RSS: http://aculpaedocavani.porta19.com/feed/mp3/
iTunes: https://itunes.apple.com/pt/podcast/a-culpa-%C3%A9-do-cavani/id1276400376 ou através da store
YouTube: https://goo.gl/QH46Ux
PlayerFM: https://player.fm/series/a-culpa-do-cavani-1512907
Stitcher: https://www.stitcher.com/podcast/jorge-bertocchini/a-culpa-e-do-cavani


A Culpa é do Cavani está disponível aqui:

RSS | iTunes | YouTube | PlayerFM | Stitcher | Spotify

5 opiniões sobre “Jornada 24 – De Bino a Pogba

  1. Viva pessoal!

    Começo com um disclaimer:
    Levo um vida social de merda, o que me impele a invadir este vosso espaço.

    Posto isso, dizer que concordo e partilho da análise do Silva ao jogo. Senti sempre que iríamos ganhar o jogo, bastava para isso que começassemos a rematar à baliza.

    Não entendia como é que, depois de termos passado a 1ª parte plantados na grande área do Guimarães, só tínhamos conseguido fazer 6 remates e apena 2 enquadrados.

    Abordando agora o lance do segundo golo do Guimarães:
    Creio que foi uma situação de treino em jogo.
    Vou tentar explicar, começar a usar durante o jogo coisas que já veem a ser treinadas mas com as quais a equipa ainda não esteja preparada nem confortável em usá-las.

    No fundo, estavam a tentar replicar os segundos golo do Chaves vs Maritimo ou do Shakhtar vs M.City.
    O facto de o Brahimi não estar em campo, poderá ser indicativo deste poder ser um plano para quando o Porto tenha que ser criativo quando impedido de usar o seu criativo ( Brahimi) por lesão ou castigo.

    Este Porto já está bastante competente e confortável em qualquer tipo de futebol ( com posse e em posse ou sem ela, fazendo pressão ou controlando, jogar maioritáriamente no meio campo adversário ou aceitando o reverso, transições rápidas, rapidissimas ou em bloco).
    Já só falta mesmo aquilo que eu julguei intuir nessa ” fatidica” jogada.

    Gostaria de seguir argumentando mas seria muito maçador.

    Um abraço!

    1. Epá, bem visto! Estávamos a treinar o triki triki à entrada da área, foi isso mesmo! 😉
      De acordo quanto à versatilidade. Conseguimos fazer quase tudo.
      De resto, também achamos que isso da vida social está muito sobrevalorizado. Aliás, é basicamente para panascas!
      Abraço.

      1. ” triki triki à entrada da área” , brilhante! O que eu me ri com essa expressão.
        Ia cuspindo o proverbial café sobre o proverbial teclado!
        E sim, creio que está encontrado o título para um futuro podcast ( daqui a umas 4 ou 5 semanas, talvez) 😉

        Essa é outra coisa que curto no SC, posso divagar à vontade que ele acaba por transformar em futebol todos os meus devaneios.

        Um abraço!

  2. Boas Cavanis,

    Desta vez deu-me cabeça para escrever sobre o jogo por isso não vou acrescentar muito mais ao que vocês já disseram. Concordo basicamente com quase tudo.
    2 notas:
    Não acho que o Sá tenha qualquer culpa no 1o golo. É um excelente cruzamento, tenso e a fugir do guarda redes. Depois o Raphinha coloca a bola no sentido contrário ao movimento do Sá. Nesse a culpa é do Ricardo que estava a nanar.
    No segundo, lá no estádio fiquei logo com a sensação que foi mal batido. Mas depois na TV mudei de opinião. É um remate traiçoeiro que ele não está a contar e tal como disse o Bertocchini, também estaria ludibriado pelos Olés assim como os restantes defesas. Eu sei que não pode mas….
    Concordo com o Silva no que diz respeito à segunda parte. Vimos mais jogo exterior, vimos um Brahimi a não tentar tantas vezes uma assistência igual às que tinha feito em jogos anteriores, vir ao meio, muito longe da área, e fazer o passe para o Marega (No lance de génio da 1a parte foi quando foi à linha de fundo), Vimos, para além do Brahimi ter a bola muito mais perto da zona decisão( por exemplo no golo dele recebe já dentro da área), os médios a ganharem bolas mais à frente e os 2 flancos trabalharem bem a profundidade. Como vocês disseram e bem, a lado direito era outro. Muito mais rápido e com critério. O Corona na primeira parte parecia que estava em pânico quando recebia a bola.

    O jogo para a taça vai ser bem difícil. Atenção ao Padre. Sempre. Tem sido um adversário para nós.
    O campo é pequeno e se chover vai estar terrível. No ano passado foi lá que o Godinho expulsou o Danilo daquela forma. Para a taça da cerveja.
    Temos de passar para jogar mais dois joguemos com os lagartos. Estes jogos é que são fixes. E vamos sem medo nenhum. Em condições normais, jogámos mais e temos demonstrado que também queremos mais.

    Minha equipa:

    Casillas,
    Maxi, Felipe, Marcano, Reyes e Layun
    Danilo e Herrera
    Ricardo, Brahimi, Marega e Soares

    Descansar o Abou (pareceu cansado contra o Guimarães) e como vocês disseram, o Alex. Incrível o que corre e joga e não rebenta.
    Gostava mais do Dalot no lugar do Layún mas me acredito que o SC o coloque.
    O Herrera já descansou e está prontinho para recomeçar a galgar!:)

    Abraço aos Cavanis

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.