Jornada 5 – You look like Guardiola

O rescaldo dos três primeiros jogos, numa edição que finalmente teve uma duração decente, apesar de condicionada pelos passeios do Silva que obrigaram à inauguração da versão Cavani à distância. Muita conversa sobre o Marega, os empréstimos, as caralhadas do Jorge Sousa e técnicos de frigoríficos. E o Guardiola, pronto. Estranha forma de vida, amigos…

IMPORTANTE: não esquecer que mudou o feed de RSS para os que usam leitores de podcasts ou para quem subscreve via feedly ou outros leitores do género. Quem quiser continuar a ouvir pelo site, tranquilo, é só usar o leitor que está embutido no post de cada episódio. Quem ouvir usando uma app, seja iTunes, Podcast Addict, Podcast Republic ou tantas outras que por aí andam, o feed é este:

http://aculpaedocavani.porta19.com/feed/mp3/

8 opiniões sobre “Jornada 5 – You look like Guardiola

  1. Em franca melhoria. Já parece uma coisa feita «à maneira». Duração, falas no tempo certo, pouca conversa sobre o inimigo, …
    ‘Dragão de Ouro’ já para o «A culpa é do Cavani».
    O que acham do ‘LL’ que joga no Steuaua, aquele nº 7? é barato (provavelmente pode vir com opção de compra e acho que é um bom jogador (não tão bom como o Sisto, é claro). Estou certo ou estou errado?
    1 abç e boa continuação.
    Luis Oliveira

    1. vou ter de ver esse gajo amanhã, palavra. e se marcar golos então é que tínhamos já um lion-tamer à maneira 🙂

      ainda bem que gostaste do episódio! more to come!

      abraço!

  2. sugestão para a rubrica fixa, depois de vos ouvir:
    “as bolinhas do cavani” 🙂

    trisome21 é genial 🙂

    ps: muito obrigado pelas sonoras gargalhadas. na labuta pensaram que estava maluquinho 🙂

    abr@ço forte a “ambos os três”
    Miguel Lima | 92° minuto

  3. Malta,

    Os vossos podcast são excelentes, parabéns! Uma visão crua e humorada de adeptos com discurso inteligente. Quando acabo um vejo-me numa espécie de ressaca pós episódio GoT: quando é o próximo!?

    A mim têm me acompanhado nas viagens de carro. Pena não haver mais para ouvir…

    Para além dos temas adhoc da realidade Portista, das abordagens aos emails ou a rúbrica do que passousse, deixo duas sugestões:

    – de fazerem mais casts com menos tempo (tipo gravarem uma hora ou mais, mas partir em dois ou três). É mais prático do que ouvir uma hora ou mais seguida;

    – criem mais rubricas fixas de curta duração, seja tops ou bottoms, qualquer coisa que malhe nos lampiões, tipo oquepassousse e afins. A imaginação é o limite.

    Abraço
    Santos

Deixar uma resposta